sexta-feira, 21 de dezembro de 2007

Parece-vos Familiar??


E cá está o meu maior vicio!!! Comic Books especialmente dos X-men. Estes pequenos livros ilustrados acompanharam-me durante a minha infância, adolescência e continuam a dar-me óptimos momentos agora na minha vida adulta. Para mim, é muito mais que uma banda desenhada. Foi com a ajuda dos X-men que aprendi durante a minha adolescência a importância dos amigos, a nunca desistir daquilo que ambicionamos, a lutar por mundo melhor e igual para todos mas principalmente a respeitar cada pessoa como ela é e a aceitar o que sou e como sou.

E o que são os X-Men?? Os X-men são mutantes, uma minoria, pessoas que nasceram com poderes sobrenaturais que se manifestam normalmente durante a puberdade. Como em todas as culturas, o facto deles serem diferentes do comum tornou-os pessoas á parte da sociedade. As ditas “pessoas normais” odeiam-nos, temem-nos e não os compreendem. Assim sendo os mutantes são frequentemente abordados com hostilidade, preconceito sendo mesmo muitas vezes perseguidos e mortos por não terem podido escolher aquilo que são. Isto obriga-os a tornarem-se muitas vezes pessoas revoltadas, que escondem aquilo que são e que vivem vidas duplas.
Parece-vos familiar? Não?
E se eu vos disser que durante as décadas de 80/90 surgiu na banda desenhada um vírus que degenerava os mutantes levando-os á morte?? Inicialmente as ditas “pessoas normais” ficaram satisfeitas dizendo: “Bem feito é o que merecem por serem aberrações” e “Deus está a castiga-los” mas depois…Uppps… Aperceberam-se que o vírus também contagiava os tão ditos normais….
Já vos parece mais familiar??
Claro que toda a simbologia dos X-men abrange muito mais do que o que eu expliquei e eu limitei-me a “puxar a brasa á minha sardinha”.
Durante este meu blog de vez em quando irei apresentar algumas das personagens dos X-men que tão bem conheço e que estão muitas vezes carregadas de uma enorme simbologia. Desde há um ano e meio que tenho vindo a ler X-men desde as suas origens em 1963(inda os meus pais eram meninos de colo), vou já em 1999 XD mas ando pouco actualizado nas mais actuais por isso posso não dar uns perfis completamente modernos mas quem cá vier e souber mais sobre o personagem esteja á vontade :D

4 comentários:

Graduated Fool disse...

Sim, parece-me e soa-me a familiar, de facto.

Confesso que nunca li um livro de BD dos X-Men mas adoro, de quando em vez, ver os filmes que, acredito, sejam bem inferiores à BD.

Adooooooooooro a Mystique.

Psimento disse...

Eheh por acaso gosto mais da Mystic do filme que a da BD. Já agora so por curiosidade a Mystic é a unica personagem da Marvel Bissexual que eu conheço XD
Os Filmes a meu ver estavam muito bem!! São muito diferentes da BD mas compreende-se que é impossivel retratar 45 anos de BD em 3 filmes

K disse...

É uma boa analogia. É bom haver livros que nos proporcionam um bom carácter.
Há pessoas que devido à sua mediocridade, tentam elevar a moral, agredindo fisicamente e/ou psicologicamente aqueles que são diferentes. E por sua vez os diferentes têm que arranjar mecanismos para se poderem defender, caso contrário, são “abatidos”.
A propósito deste post, lembrei-me de que, a partir do quinto ano era gozada por ser arrapazada e também me lembrei duns ficheiros (School Report; Cornerstone Document) que encontrei na Internet que fazem referência ao “bullying” homofóbico nas escolas britânicas. Apesar de no nosso país não se fazer referência, a este tipo de bulling, ele existe.
Deixo aqui o endereço, onde encontrei os ficheiros:
http://www.stonewall.org.uk/education_for_all/
e os endereços dos ficheiros:
http://www.stonewall.org.uk/documents/school_report.pdf
http://www.stonewall.org.uk/documents/cornerstone.pdf
Bjs.

Psimento disse...

Infelizmente muitas pessoas desde pequenas têm de lidar com a realidade da discriminação!!! já me dou por contente por so ter descoberto o que era a discriminação quando já era mais velho...